10 coisas para fazer em Milão pelo menos uma vez na vida

Pouco tempo depois que a idéia de fazer um blog sobre Milão começou habitar a minha cabeça me deparei por puro caso com um livro que hoje adoro: 101 cose da fare a Milano almeno una volta nella vita (101 coisas para se fazer em Millão ao menos uma vez na vida) de Micol Arianna Beltramini.

O livro é uma verdadeira delicia e se fosse traduzido em português eu o recomendaria no lugar de muitos guias turísticos. Escrito em modo leve e divertido, conta muitas lendas sobre a cidade e seus personagens sem descuidar das informações históricas. Ok, é um livro escrito para italianos e mais especificadamente para milaneses e algumas das propostas são mais para uma tarde de sábado se você mora na cidade do que para um turista que passa por aqui rapidamente por 2dias.

Mas outras propostas são completamente possíveis, facéis e imperdíveis de se fazer, então deixo aqui meu resumo pessoal para você se aventurar e para corrigir alguém que te diz que em Milão não tem nada para fazer.

1. Se perder nos meandros e lendas da catedral gótica mais bela do mundo e quase tocar o céu passeando pelos seus telhados

O Duomo de Milão não precisa de apresentação, ainda mais aqui no blog, já que a sua história de séculos e séculos, foi toda contada nesse post.

interiorduomo

Essa maravilha da arquitetura medieval tem um pouco de tudo para agradar turistas e milaneses: o belíssimo revestimento de mármore de Candoglia, os vitrais que vão do século 13 ao século 20 e contam as histórias da bíblia, o coro de madeira, os órgãos seculares, a cripta de São Carlos, os restos romanos nos subterrâneos e a magnética estátua de São Bartolomeu apóstolo, que segura a sua própria pele e mostra aos cristão e não, o seu martírio.

Mas a visita não vai ser completa se você não se aventurar pelas alturas e visitar os telhados. Uma galeria de esculturas a céu aberto, se perca entre os seus 135 pináculo e respectivas estátuas,  já que os detalhes lá de cima são ainda mais surpreendentes e se o dia ajudar com um céu límpido e um pouco de sol, não tem como não se apaixonar.

2. Dar uma de dandy na Galeria Vittorio Emanuele

Sim, a Galeria Vittorio Emanuele, como contamos nesse post, já nasceu para ser chic. Pensada como um corredor entre a Praça Duomo e Praça Scala, era usada pela burguesia milanesa para passear antes ou depois dos espetáculos do Teatro Scala.

galeria vittorio emanuele milao

Emoldurando toda a bela construção em estilo eclético de ferro e vidro, as lojas como a primeira Prada aberta na Itália e os restaurantes e bares históricos como o Camparino, Savini e Biffi.

Ainda hoje é chamado “Il Salotto di Milano”, no sentido de sala de estar e não é difícil se sentir um dandy sentado em umas das mesas, mesmo para um simples (e caro) café.

3. Ver o interior do Teatro Scala sem pagar pelo ingresso

Ver um espetáculo qualquer no Teatro Scala requer uma certa dose de organização mesmo para nós que moramos aqui. Lembretes no celular, dedo no mouse às 9 da manhã quando abrem as vendas no site, coisas desse tipo.

Se uma pessoa disser que é um tenor, a primeira coisa que vão perguntar a ele é se já se apresentou no Scala, afinal esse ainda é o maior tetro de lírica do mundo.

Não deixe se enganar pela fachada neoclássica austera e sem grandes apelos. O interior é glorioso e a sala é uma das coisas mais bonitas que já vi na vida.

teatro scala milao

Claro, passar 2 horas alí dentro, apreciando um ballet ou uma boa música é uma grande experiência, mas se isso não for possível, compre um bilhete para o museu depois de checar (na plaquinha que fica fora), que a visão da sala esteja disponível. Quando você entra no museu, vá para o lado esquerdo e um dos camarotes estará aberto. Dalí você pode vislumbrar o visual da sala e seu lindo lustre de Murano.

4. Comer um panzerotto no Luini

Se você está no centro, quer comer uma coisa rápida, tem que ser o panzerotto do Luini. Depois de anos e anos é ainda a comida de rua mais famosa da cidade.

O panzerotto não é típico de Milão (é da Puglia), mas a família Luini abriu sua padaria no final do século 19 e um dia a proprietária teve a idéia de fritar esses salgados, típicos da sua região.

Bingo!!

Não desanime com a fila: é quase sempre grande, formada de uma mistura de turistas e locais, mas é bem rápida. Peça a sua versão (eu como sempre o clássico, frito) e vá come-lo na rua, porque o Luini nunca teve e não tem mesas.

5. Visitar a Santa Ceia

Uma das maiores e mais conhecidas obras de arte do mundo está em Milão.

Sim, muita gente não sabe, mas a Santa Ceia de Leonardo da Vinci é nossa, não é um quadro e sim uma parede pintada a seco e a entrada para visitação é controlada e feita a grupos de 25 pessoas a cada 15 minutos.

Visitar Santa Ceia Milao

Isso quer dizer que é um outro programa que requer organização (leia-se reserva com antencedência) para visitar e a coisa se complica em época de alta temporada (geralmente as vendas abrem 3 meses antes das datas).

Mas posso garantir que toda essa preparação vale a pena. Eu já a vi várias vezes e cada vez é emocionante. Leia esse post e saiba como não perder essa grande obra do Renascimento milanês.

6. Dar uma voltinha na La Rinascente

Você pode estar interessado em compras ou não. Não importa, La Rinascente está alí no centro, ao lado do Duomo, é a loja de departamentos milanesa por excelência e vale dar uma entrada.

Grandes marcas dividem os espaços dos 7 andares, divididos em moda feminina, masculina, infantil, maquiagem e perfumes, bolsas e acessórios, cama mesa e banho. No subsolo vale uma voltinha pelo Design Market, com acessórios para casa de todos os preços, livros e papelaria. O último andar é reservado ao Restaurant & Food Market, que fica aberto até às 24hs e é uma das opções para comer no centro.

7. Visitar a Pinacoteca de Brera

Milão tem uma rede de grandes (e desconhecidos pelo grande público) museus, mas se você tem tempo para visitar só um deles, que seja a Pinacoteca de Brera.

Fundada como museu em era Napoleônica no século 19, ainda hoje é a maior coleção de arte que vai do século 13 ao século 19, da cidade.

Milao Pinacoteca de Brera

Caravaggio,  Bramantino, Piero della Francesca, Raffaello, Bellini, Mantegna, são só alguns dos nomes dos grandes artistas da arte italiana, exposto nos espaços que foram um convento jesuíta no século 16.

Leia o nosso post  sobre a Pinacoteca para saber sobre os horários e preços.

8. Saborear um risotto à milanesa verdadeiro

É o prato típico da cidade e é a versão do risoto feita com açafrão. Se você quer ir a fundo na experiência, a melhor pedida é a versão com o ossobuco. Como o próprio nome também já diz, uma outra especialidade da cidade é a cotoletta alla milanese, ou seja, bife à milanesa.

Risoto milanes Milao

Os pratos são propostos em vários restaurantes do centro, como os tradicionais da Galeria Vittorio Emanuele e no bairro de Brera.  Um dos melhores que comi foi o do hotel Four Seasons, com um ossobuco que era quase manteiga.

9. Fazer um (autêntico) happy hour milanês

Quando um local sai do trabalho e vai até um bar fazer um happy hour (aqui se diz aperitivo) com os amigos, não vai só tomar um drink e comer um pouco de amendoins e batatinhas. Quase sempre, ele vai jantar. Porque o happy hour milanês verdadeiro é aquele que te propõe um buffet de comidas quentes e frias à vontade, como já contamos nesse post.

Existem alguns bares que não tem o buffet e servem pratinhos de petiscos, mais ou menos elaborados, em cada mesa.

Qualquer que seja a versão, no final do seu dia de passeio e compras, escolha um bom bar no centro, Brera ou na area dos canais (Navigli) e relaxe como um milanês, fazendo um aperitivo!

10. Comprar (ou não) no Quadrilátero da Moda

Corso di Porta Venezia, Via Manzoni, Via Montenapoleone e Via della Spiga. São essas as 4 ruas que formam um quadrado e fecham o que o mundo ( e nós) chamamos de Quadrilátero da Moda.

Dentro desse perímetro você encontra a maior concentração de grifes do mundo, com uma sucessão de lojas e vitrines que fazem cair os queixos, as vezes pela beleza das roupas, mas quase sempre pelos preços astronômicos.

Mas comprar no Quadrilátero da Moda de Milão não é obrigatório e olhar na custa nada, então vale uma voltinha pelas ruas elegantes, com prédios e palácios de grande beleza e muitas vezes ignorados pelos turistas.

Milao Via della Spiga

A minha preferida é Via della Spiga, que é a mais estreita e a única completamente proibida ao tráfego. Mas também tem seu charme Via Gesù, Borgospesso, Sant’Andrea.

Bom passeio!!

LEIA TAMBÉM MINHAS DICAS SOBRE MILÃO NO BLOG ALMA DE VIAJANTE CLICANDO AQUI 



97 respostas
  1. Julia Correia says:

    Boa tarde Mage,
    Antes de mais, muitos parabéns pelo blog! Estou a adorar.
    Vou agora em Junho para Milão, aeroporto “Milan (MXP) T1”. O voo chega às 20.50h (sexta-feira), tem alguma dica sobre a melhor de chegar ao centro de Milão? Será que vale a pena comprar bilhete com antecedência?
    Muito obrigada pela ajuda!

    Responder
  2. Aluane says:

    Ola, boa noite!
    Tentei acessar o site para comprar os ingressos da ultima ceia pra visitar entre 24/03 a 27/03, mas não havia datas disponíveis para comprar, poderia me auxiliar. Sera que realmente não tem ou estou fazendo algo de errado?

    Responder
  3. Carlos Pereira says:

    Boas, eu vou estar em Milão dia e meio em maio como poderei comprar bilhetes para a ultima ceia e para o Scala? Que me aconselham com este tempo reduzido e sendo a primeira vez? Obrigado

    Responder
    • Mage Santos says:

      Carlos,

      Os ingressos de maio para Santa Ceia começam a ser vendidos agora no dia 9 de fevereiro. Compre no dia que abrir, pq maio é muito concorrido.
      Já o Scala é vc tem que ir para o site deles e ver se tem espetáculos qdo vc estiver aqui e se tem ingressos com preços humanos.
      Boa sorte!!

      Responder
  4. vinicius says:

    olá,
    estou com viagem prevista para final de abril deste ano e gostaria de saber como conseguir ingressos e se possivel mais barato para o scala, vi que os preço são super caros e se esgotam rapidinho… alguma dica?
    abs

    Responder
  5. Carlos Galileu Porto says:

    Bom dia Mage,
    li com atenção as suas indicações de locais a visitar em Milão. Em verdade estou a caminho da Suiça via Itália, em Milão apenas 2 dias e meio. Estou em vias de reservar para 04/09/15 uma apresentação no Scala, a pergunta é se os locais a serem visitados devem ser comprados agora pela NET ou posso me dispor a comprar alguns nos locais, bem cedo do dia me parece importante. A Santa Ceia já ví ser impossivel, mas a visita ao Duomo, pode ser lá comprado no dia?
    Agradeço um retorno e a parabenizo pela qualidade de seu trabalho,
    Carlos

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola’ Carlos,

      Sim, a visita ao Duomo vc compra nas bilheterias fora da catedral. Se quiser comprar antes, so’ para pular uma filinha.
      Apresentaçao no Scala vc tem que comprar antes sim…

      Responder
  6. Karina Fernandes says:

    Olá!!!
    Enviei um e-mail p vocês sobre os valores e tipos de passeio, pois estarei em Milão com a família no período de 03/10 – 08/10/2015, quais passeios vocês teriam disponíveis? Aguardo o retorno do e-mail enviado.

    Responder
  7. Alcina Fernandes says:

    Ola Mage
    Vou estar em Milão entre o dia 22 a 27 de julho, será que me pode ajudar no alojamento. Gostaria de ficar num apartamento somos dois casais com quatro filhos, de preferência perto do centro da cidade.
    Adorei tudo o que você escreve obrigada por todas as dicas.
    Bjs
    Alcina Fernandes

    Responder
  8. Margarete Garcia says:

    Olá Mage,
    li todos os seus posts e estou aproveitando bastante suas dicas de Milão. Parabéns pelo excelente trabalho e pelo blog.
    Muito obrigada pelas indicações de passeio, visitas e restaurantes. Suas dicas foram valiosas.

    Responder
  9. Rafael says:

    Olá… Primeiramente, parabéns pelo site…gostaria de uma dica de balada em Milão.. Passaremos por aí em outubro.. Gostaríamos de conhecer um pouco da noite. Pub, bar, boate?! Somos um casal jovem…estaremos em lua de mel. Desde já, obrigado

    Responder
  10. LECYMAR says:

    Bom dia! Gostaria de uma dica de operadora de turismo ou outro canal para comprar ingresso para a Ultima Ceia. No site oficial não há mais para o período que estarei em Milão 21 a 25/07/15.
    Desde de já agradeço a atenção.
    Lecymar C. Esteves

    Responder
  11. Margarida Ferreira says:

    Ola
    Vou a Milão no final do mes de maio e estava a pensar visitar a Expo, mas tenho uma duvida.
    No site oficial indicam que o custo do bilhete é de 39€, mas encontrei num site de venda de bilhetes para vários museus e cidades — um combinado de entrada Expo + Catedral de Milão por apenas 10.36 (?) Tem conhecimento se é fidedigno? Mencionam no site que o espetáculo do Cirque du Solei não esta incluído no bilhete, será por isso a diferença no preço? Obrigada

    Responder
    • Mage Santos says:

      Olá Margarida,
      Não conheço esse site e me parece estranho tantas atrações com esse preço. Como vc disse, só a Expo custa 39… Os telhados do Duomo custam 15euros…
      Para mim é estranho… mas veja vc se quer arriscar.

      Responder
  12. Ana Claudia says:

    Olá Magê, dez esse seu blog !!! Valeu pelas muitas dicas. Muito engraçado o comentário daquele Ricardo, kkkk, não sei que São Paulo é este que ele mora e acha um paraíso….
    Me tire uma dúvida, estarei de carro, mas pelo jeito é melhor andar de transporte público em Milão, o que será mais fácil e econômico para conhecer os pontos principais, metrô ou ônibus?
    Somos uma família com quatro pessoas.
    Outra pergunta, há outlets para fazermos compras? Pois o quadrilátero é só para apreciação e babação, rsrsrsrsrs.
    Obrigado e um grande beijo

    Responder
    • Mage Santos says:

      Olá Ana Claudia,
      Obrigada!!
      Pois é, carro me Milão é roubada, pq estacionar é chato e caro. Se puderem, deixem o carro parado e andem de metrô, que funciona bem.
      Qto aos outlets, eles estão fora da cidade. Procure o post no blog sobre eles… Estando de carro, vc pode tirar um dia para ir a algum deles.
      Boa estadia

      Responder
  13. Carlos Alberto Orsini says:

    Mage, já fui algumas vezes a Milão e sempre adoro toda vez. Ano passado e no anterior fiquei no Residence Romana no Corso de Porta Romana e gostei muito. Acompanho seu post sempre e acho também muito bom. Perto do hotel tem uma lojinha chamafs Galli que vende morrons deliciosos que invariavelmente como. O meu testaurante favorito é o Isola del Tesoro, perto do hotel que, além de se comer bem, você é muito bem servido. E o licorzinho sardo no final buonissime. Na última vez, em novembro passado, tive vontafe de falar com você mas bateu uma vergonha e acabei não ligando. Das 10 coisas propostas ainda não conheço a pinacoteca de Brera, mas espero que em fevereiro de 2016 podsamos conhece-la. Sempre vou no inverno porqie de tempo quente já basta o daqui. Um grande abraço e espero manter contato até lá.

    Responder
    • Mage Santos says:

      Olá Carlos Alberto,
      Muito obrigada pelas dicas de hotel e restaurante. os leitores agradecem…
      A Pasticceria Galli é super tradicional e eu as vezes tb caio na tentação dos marrons glacés.
      Espero ver você sempre por aqui… Um abraço

      Responder
  14. fabio rigon says:

    olá Mage….estarei em novembro ( 10 a 17/11) pela primeira vez em Milão para a feira ITMA 2015 e gostaria de fazer todas essas 10 coisas imperdiveis…..rsss….como devo me programar? você oferece serviço de guia? tem valores?….

    obrigado

    FAbio

    Responder
  15. cassia cristina says:

    olá, adorei tbm seu blog, gostaria de dicas para uma mulher que vai sozinha à Milão, tenho 46 anos, separada e nao consegui nenhuma amiga disponivel para ir comigo no periodo do carnaval de 14/02 a 21/02/2015. tenho um pouco de medo por nao conhecer a língua nem nunca ter feito uma viagem sozinha, mas resolvi me dar de presente, e estou cotando Milão como uma das preferências por tudo que já li desta cidade, não vou para outro lugar, apenas Milão mesmo. quanto a hotel de bom preço, sem luxo, coisa simples, boa e barata, e locais par air a noite sozinha. obrigada

    Responder
  16. Alfredo Moreira Filho says:

    Excelente seu blog. Faremos um tour pelo leste europeu terminando em Berlim no dia 23/11/15 e pretendo vir para Milão num trem noturno com cabines leito. Pode me ajudar nessa compra de bilhetes? Em Milão ficaremos no Ambasciatori ou no Fenice, onde já tenho reservas. Voltaremos para o Brasil num cruzeiro da Costa saindo de Savona para onde deveremos ir no dia 27 pela manhã. Pode me ajudar para a compra desses bilhetes? Onde, como e valores nos dois casos. Fico imensamente grato Mage. Somos 2 casais 76/61 e 76/75 anos.

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola Alfredo!
      Infelizmente eu não faço esse serviço de compras de bilhetes de trem.
      Ou você compra pelos sites das cias. ferroviárias europeias ou a melhor coisa é procurar uma agência que faça isso aí no Brasil.
      Boa sorte

      Responder
      • Valeria Corte says:

        Ola Alfredo Moreira Filho, eu e emu marido também vamos voltar pelo cruzeiro da Costa. Estou comprando os bilhetes de trem pela agencia aqui em Sorocaba. Mas amigos me disseram que sai mais barato comprar na hora. O medo e de não encontrarmos disponibilidade. Abraço

        Valeria

        Responder
  17. Tatiana Oliveira says:

    Olá, adorei seu blog, utilíssimo!!!

    Eu chegarei em Milão dia 05 de janeiro logo cedo e sairei dia 07 também cedo, pouco tempo… Me diria lugares para eu dar prioridade a visitar além da Duomo, do teatro e da Visita a Santa Ceia?

    Ficarei no Milano Touring, é um bom hotel?

    Se puder me dar, também, uma sugestão de restaurante para um jantar especial de aniversário de namoro eu adoraria!! Me perdoe se perguntei demais! :)

    Obrigada desde já! Bjs

    Responder
  18. vivi says:

    Olá Mage!! É a primeira vez que visito seu blog, e estou adorando!! Principalmente pela sua disposição e simpatia em responder aos posts. Gostaria de algumas dicas… Eu e meu marido vamos passar 20 dias na Itália entre dezembro e janeiro. Inclusive passaremos o Ano Novo aí. Estou montando um roteiro de Milão à Roma passando por Florença e algumas cidades próximas e voltando por Veneza. Estou em dúvida de quantos dias dedicar a Milão e onde passar o Ano Novo. Desde já agradeço!!

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola Vivi,
      Olha, eu dedicaria pelo menos 2 dias cheios em Milao. Quanto ao Ano Novo, aqui rolam festas em discotecas e jantares em restaurantes.
      Pesquise nas outras cidades, como Roma ou Veneza, deve ser mais fascinante para uma noite de ano novo…
      Boa estadia!!

      Responder
  19. Aracy says:

    Olá

    Parabéns pela sua atenção a todos.
    EStarei em MIlão em abril por 3 dias. Pretendo reservar 01 dia para fazer o passeio no Lago Di Como. Os outros dia ficarei na cidade. Que você sugere de passeios gratuitos? É muito frio nessa época?

    Obrigada

    Responder
  20. Luziane Lima says:

    Oi Mage, Boa tarde. Primeiramente, Parabéns pelo blog! Favoritei todos os posts que li. rsrs

    Por gentileza, gostaria que me ajudasse em relação a algo que nem no google teve jeito.
    Irei para Milão em Novembro para um Congresso no Politecnico de Milão. O hostel que escolhi é próximo a Duomo, porém, quando vejo a distância via google maps aparenta ser perto, 15 minutos. Porém, quando coloco opção de ônibus aparece 1 hora! Você sabe me dizer se tem metrô para lá e quanto tempo demora?

    Muitissimo obrigada.
    Agradeço previamente por sua ajuda.

    Luzi.

    Responder
  21. joana says:

    Ola!
    Vou ficar em Milão 3 dias no Starhotels Gran Milão, conhece…fica bem localizado?
    Compras…oq recomenda?
    Abraços. ..amei o blog!

    Responder
  22. Leandro says:

    Oi, gostaria de saber se agosto eh o mes que os italianos tiram ferias? Pois cheguei ontem em milao, hoje fui dar uma volta, a maioria das lojas estavam fechadas. Isso pq hj eh domingo ou eh férias deles? Obrigado

    Responder
    • Mage Santos says:

      Lenadro,
      A Itália e os italianos estão de férias e vc vai ver sim muitas lojas, sorveterias e ate restaurantes fechados…
      E essa semana então, do dia 15 de agosto, é a pior.

      Responder
  23. Nuno Batista da Silva says:

    Boa tarde.
    Estou a pensar ir a Milão pelo Fim de semana 13/14 de Dezembro, nessa altura já há enfeites de Natal nas ruas e lojas de Milão?

    parece uma boa altura para visitar a cidade?

    Viajo com os meus dois filhos, haverá alguns apartamentos centrais que me possa recomendar

    Desde já muito obrigado pela ajuda

    Nuno Batista da Silva

    Responder
  24. Joubert says:

    Ola, tudo bem ?
    Vou ficar hospedado no Armani Hotel, e estaremos de carro. Você acha que seria bom deixar o carro no hotel e andar de taxi ou metro. Ou e tranquilo andar por Milao de carro ?

    Obrigado,

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola Joubert!
      Esqueça o carro em Milão. Você não vai precisar dele.
      A cidade é plana e a melhor maneira de conhece-la é nadar a pé. O problema, mais que andar de carro em Milão, é
      estacionar.
      Explore a cidade a pé e se cansar, pegue um taxi. O Armani fica no centro, quase grudado da Praça Scala…super
      bem localizado.
      Sapato confortável e bom passeio!!
      Magê

      Responder
  25. Marcos says:

    Olá!

    Estou a planear uma curta viagem a Milão, com dois dias, e agradeço muito as dicas aqui presentes!!

    Mas queria colocar uma questão, o meu voo de regresso seria às 6h45 da manhã, portanto teria de estar no aeroporto de Bergamo bem cedinho (5h talvez?)… qual o melhor método para chegar a horas?? Há transporte público de madrugada?

    Muito obrigado!

    Responder
  26. Eneida says:

    Oi Mage, vou para Milão efiquei preocupada com os “percevejos” no hotel. Vou ficar no Dei Cavalieri é uma boa opção? Bacio

    Responder
    • Mage Santos says:

      Nossa Eneida, como assim?
      Nunca tive um leitor que tivesse reclamado desse problema nos hotéis daqui.
      Conheço o seu hotel de passar na frente… é um daqueles antigos, mas tenho certeza que deve ser de um certo nível.
      Abs

      Responder
  27. Zé Cláudio says:

    Mage
    Vou estar em Milão por três dias e por contrato estarei no Novotel Milano Ca Granda que parece não ficar no centro. Gostaria de saber sobre custo de taxi e serviço de transporte coletivo nessa região para deslocamento para o centro.
    Obrigado e parabéns pelo blog .

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola Zé Claudio!
      O bilhete unitário de metro, ônibus ou bondinho [e de 1,50 euros. Não sei te dizer qto ficaria um taxi até o centro. Por volta de uns 15 euros, talvez.
      Boa viagem!!

      Responder
  28. fernando says:

    Oiii vou c minha esposa em novembro e vamos ficar 4 dias..
    Vale a pena ficar tanto tempo ai???? Estamos tensos. Da p se virar no espanhol e ingles?

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola Fernando!!
      Então relaxe!! Você pode curtir a cidade com calma em 2 dias…Passear, aproveita os restaurantes.
      E tb pode aproveitar para para conhecer os arredores: Bergamo, Lago de Como, Verona.
      Fique ligado no blog que vão surgir outros posts sobre bate e volta.
      Esqueça o espanhol… mas com inglês dá pra se virar…
      Boa viagem!!

      Responder
  29. Ione sperandio says:

    Ola Mage , legal suas dicas
    Estarei em julho por 2 dias em Milão com 4 casais
    O que recomenda ,imperdível ,gostamos de comer em locais
    Tradicionais e visitar pontos turísticos
    Obrigada

    Responder
  30. Pedro Peixoto says:

    Ola Monica. Olha, ando a procura de um motel o pensao no centro de Milao ,tens alguma ideia? Vou ficar 3 noites, queria que nao fosse muito caro e perto de uma estacao de metro. Muito obrigado!

    Responder
  31. monica chatel says:

    Oi, Mage1
    Parabéns pelo site, super bem feito e utilíssimo!
    Estou indo para Milão em setembro com uma amiga e estou planejando os 2 dias em Milão só pelo seu blog.
    Me diz uma coisa, tem que pagar para entrar na Vittorio Emanuele?
    E dá para comprar antecipadamento pela internet o ingresso para os telhados do Duomo?
    Ficaremos no UNA Maison – vc conhece?
    Acha boa escolha? Bem localizado?

    Tem algum site de brasileiros de Veneza, Roma e Florença?

    Desculpe tantas perguntas…
    Beijo grande e parabéns pelo blog.
    Mônica

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola Monica,
      A Vittoria Emanuele è uma galeria, uma “passagem” da cidade, que você atravessa, usa para ir de uma praça a outra… Não tem que pagar.
      Quanto ao bilhete para os telhados do Duomo, você compra na hora.
      O UNA que você vai ficar é aquele em Via Mazzini? Se é, fica grudado na Praça Duomo…boa escolha sim…
      Para Roma, procure o blog turismoemroma.com
      Veneza e o resto, use o viagemitalia.com
      Abs
      Magê

      Responder
      • Monica says:

        Oi, Magê.
        O UNA e o da via Mazzini, sim.
        Eu li em algum lugar que tinha que comprar ingresso para a Vitorio Emanuelle, tambem estranhei…
        Agora fiquei chateada, pois li que Milao passara por uma reforma total. Com certeza em setembro pegarei varias interdicoes…
        Sera que vai atrapalhar muito o passeio
        Desculpe os erros, o computador esta com problema…

        Responder
        • Mage Santos says:

          Não, as reformas não estão atrapalhando assim a vida dos turistas não…
          A própria reforma da Vittorio Emanuele foi feita para ser um espetáculo a parte….
          Não se preocupe e curta a cidade!!

          Responder
  32. Eunice says:

    Olá, tens alguma dica de loja com preços acessíveis em roupas? Vou passar uns dias em Milão,mas não sou nenhuma milionária. Hehhe.

    Grazie.

    Responder
  33. Yara Elizabeth Linzmeyer Kalinowski says:

    Mage, iremos para Italia em junho, ponto de partida Ravena, como gosto de música meus fihos desejam que eu assista um espetáculo em Ravena, onde iniciaremos nosso Tour, qual a melhor opção, trem, ou carro, desejam uma Vam com motorista, acha que é possível? como sou uma negação em computador, custri para achá-la, um arbaço Yara Elizabeth – Curitiba Paraná

    Responder
    • Mage Santos says:

      Yara!
      Não sei como é a questão de van com motorista para viagens longas…
      Conheço Ravenna como turista e tb não conheço a vida noturna e musical da cidade. A melhor coisa é tentar entrar no site da cidade e ver a programação cultural da época.
      Um abraço

      Responder
  34. Paulo P. Mihaleff says:

    Oi, estou com passagem comprada para Milão e ainda não reservei hotel. Como vou ficar por pouco tempo, gostaria de um hotel perto do centro (Duomo, etc.) confesso que a postagem do Ricardo, aí em cima me assustou. Poderia me indicar um hotel não muito caro mas confortável e limpo?

    Responder
    • Mage Santos says:

      Ola Paulo,
      Esqueça o comentário de Ricardo… Uma pessoa que acha que conhece uma cidade pq a vê no Google Street, bem…
      Quanto mais perto do centro, mais caro é… Vc pode tentar o Madonnina (tem um post na categoria Dormir), tem tb o Uma Hotel alí colado o Duomo…
      Tem o Spadari Hotel em Via Spadari…, mas não conheço as tarifas.
      Use o bom e velho Booking ou Tripadvisor para ter uma noção dos serviços.

      Responder
  35. Patricia Moutinho says:

    Oi!
    Vim aqui parar enquanto procurava bilhetes para a Ultima Ceia :)

    Infelizmente, usando o link disponível, não me aparece selecção para os dias que estaremos em Milão (excepto noutros sites em que fica por 25eur/pessoas – 16 de Novembro 2013).
    Há algum outro modo de reservar/comprar bilhetes para a Ultima Ceia ao preço normal (menos de 10eur/pessoa).
    Desculpa o abuso…
    Obrigada
    Patricia

    Responder
    • Mage Santos says:

      Oi Patricia,
      Se vc fala um pouco de inglês, tente pelo telefone que esta no site. Eles sempre tem uns bilhetes a mais. Custa sempre 8 euros por pessoa.
      tem horários que tem guia e custam 11 euros.
      Boa sorte!!

      Responder
  36. Ricardo Dellai says:

    Vou em maio, mas confesso que já desanimei. Pelo street view do google maps, dá para ver que milão é uma cidade totalmente suja,pichada e com cara de abandonada.

    E além de violenta meu tio quase foi assaltado lá.

    Eu pensava que São Paulo era ruim pelo menos onde vivo dá de 10X0 em milão e no centro de roma que vi pelo street view.

    Hotéis então é um porre, não acho nada decente vi um hotel berna com nota 93% no tripadvisor e uma mulher foi devastada por percevejos lá , eu nem sabia que existia ainda percevejos.

    Estou achando tudo bem assustador já penso até em perder a minha passagem, pois queria usar milão de cidade base e não vai rolar.

    A itália é muito pior do que o Brasil pelo menos em São Paulo onde vivo é tudo melhor e não é tão caro quanto milão que é suja.

    Se alguém tiver alguma dica de hotel que não seja preço de hollywood e bem localizado sem ser área de risco fico agradecido.

    Abcs.

    Responder
    • Lucas says:

      Kkkkkk tava passando aqui só pra dar uma olhada e por curiosidade vi o que esse Ricardo aí falou,sem cultura você ein,fica aí na sua cadeira em São Paulo dentro de casa,vendo o Tietê doidao..se quer comparar Itália com Brasil?nem digo Itália qualquer pais da Europa em si,digo isso por que moro na suica,mais estou hoje aqui em milao,te garanto que você vai ver coisa aqui que nunca viu em São Paulo..

      Responder
  37. Silvia Regina Abujamra says:

    AH! Magê, estou emocionada com as 10 mais….
    Embora tenha visto algumas …ainda falta muitas. Mas eu voltarei…Não sei como agradecer à vc., pois por causa do seu Blog comecei a me interessar por Milão, que me surpreendeu e eu me apaixonei!!!!

    Responder
  38. Fra says:

    Bella selezione, una sorta di Comandamenti per chi viene a Milano. Però devo ammettere di aver fatto tutto, tranne di aver mangiato il risotto con l’ossobuco!! ;)

    Responder

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] Pronto para um dia intenso no final do qual você vai voltar para casa cansado, mas satisfeito! […]

  2. O DIA QUE EU FUI PRA MILÃO E FIZ COUCHSURFING – Só Vamos disse:

    […] “Essa maravilha da arquitetura medieval tem um pouco de tudo para agradar turistas e milaneses: o belíssimo revestimento de mármore de Candoglia, os vitrais que vão do século 13 ao século 20 e contam as histórias da bíblia, o coro de madeira, os órgãos seculares, a cripta de São Carlos, os restos romanos nos subterrâneos e a magnética estátua de São Bartolomeu apóstolo, que segura a sua própria pele e mostra aos cristãos e não, o seu martírio.” (http://www.milaonasmaos.it/10-coisas-milao-vida/) […]

  3. […] Ps: Aqui  uma super dica e lindas fotos para  você que quer saber mais sobre Milão. […]

  4. […] 10 coisas para fazer em Milão pelo menos uma vez na vida – Milão nas mãos […]

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *