5 curiosidades sobre o Teatro alla Scala

Um dos maiores teatros de lírica do mundo, o Teatro alla Scala é também chamado teatro dos milaneses. Construído em estilo neoclássico pelo governo austríaco, o teatro foi inaugurado em 1778 com a ópera A Europa Reconhecida do compositor italiano Antonio Salieri e, desde então é uma referçencia na vida cultural da cidade.

Conheça 5 curiosidades sobre o Teatro alla Scala para entender melhor seus mais de 200 anos de história com a cidade, os milaneses e até um brasileiro.

1. A ORIGEM DO NOME

O teatro tem seu nome ligado a igreja gótica de Santa Maria della Scala, construída no século 14 pela então senhora de Milão, Beatrice Regina della Scala.

Edificada em 1381, quase 4 séculos depois (em 1774) foi demolida sob ordem da imperatriz Maria Teresa d’Austria para dar espaço ao novo teatro da cidade.

santa_maria_scala

Assim, o nome alla Scala, significa na Scala, fazendo referência à antiga igreja.

2. A CONSTRUÇÃO

O projeto do novo teatro foi dado ao arquiteto da corte austríaca, Giuseppe Piermarini, que o construiu em apenas 2 anos (1776-1778). A construção foi financiada pelas famílias nobres da cidade que compraram os camarotes antes do teatro ficar pronto.

A sala, em forma de ferradura de cavalo, inaugura o estilo que será chamado teatro all’italiana, onde as ‘arquibancadas’ são substituídas por camarotes e galerias e o palco tem a profundidade necessária para cenários com perspectivas mais sofisticadas.

scaladimilano

3. NÃO SÓ ÓPERA

Principalmente durante século 17 e início do século 18, o público que frequentava o Scala não ia ao teatro só para ver os espetáculos.

O jogo, proibido na cidade mas liberado nos teatros durante os espetáculos, era o passatempo preferido dos homens, que usavam os foyers para os mais variados tipos de partidas. Parte da arrecadação era usada também para custear as produções.

Os camarotes eram usados pelos proprietários como sala de estar e funcionavam para receber convidados, comer e fazer negócios.

4. UM TEATRO ILUMINADO

O Scala, foi o primeiro teatro do mundo a ser iluminado a luz elétrica. Era 26 de dezembro de 1883 quando a companhia elétrica italiana Edison acendeu 2.450 lâmpadas iluminando o espetáculo estréia daquele ano, a ópera Gioconda.

Foi um espetáculo dentro do espetáculo, com as pessoas maravilhadas pela ‘nova tecnologia’. Hoje a companhia continua iluminando o teatro com as novas lâmpadas LED.

5. UM ÍNDIO NO SCALA

Poucos brasileiros sabem, mas o Teatro Alla Scala foi o palco de estreia do grande compositor brasileiro Carlos Gomes.

Estabelecido em Milão para estudar composição e já com outras duas óperas encenadas em outros teatros da cidade, em 1867 Carlos Gomes compra uma versão em italiano da ópera de José de Alencar e decide de adapta-la para ópera.

guarany2

No dia 19 de março de 1870, a história de Ceci e Peri estreia no grande teatro milanês recebendo criticas positivas.

O compositor estreou mais duas obras no Teatro alla Scala: Maria Tudor em 1879 e Condor em 1891.

2 respostas
  1. Marina Di Lullo says:

    Adorei sabê-las! Incrível como foi o nome de origem que ficou registrado e Carlos Gomes ter estreado nele deve ter sido tão lindo.
    Bjs

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *