Como se vestir (outono e inverno)

Viajar é ótimo, mas não conheço ninguém que goste de arrumar malas. É sempre um tal de “o que eu levo”? ou  “será que vou usar isso”?

Eu odeio tanto arrumar (e depois desfazer) malas que sou do tipo econômico. Levo peças que combinam entre si e tento otimizar tudo. Nada de uma camisa ou calça que só fique bem com uma outra peça. Um par de sapatos  que combine só com um look, nem pensar!

Para uma mala na medida certa, traga poucas roupas e conte com acessórios (cintos, colares, echarpes e pulseiras) para transformar o seu look. Prefira também cores escuras  e tecidos que não amassem.

como se vestir em Milão

Look trench – outono

Se você está vindo para cá e quer se misturar entre os meneguinos (é assim que são chamados os nativos de Milão), deixo aqui algumas dicas (muito pessoais), lembrando que a elegância está em se vestir de modo adequado a ocasião e temperatura.

-esqueça as camisetas. Abuse de blusas e camisas de mangas longas, se estiver um pouco mais quente, basta dobrá-las

-um jeans com um corte legal é sempre um coringa em uma viagem; você pode usá-lo durante o dia e transforma-lo a noite mudando os sapatos e o casaco

-uma calça preta de corte reto também é indicado. Assim como o jeans, pode ser usada durante o dia e transformada a noite.

-um vestido

– 2 ou 3 suéteres  de malha/lã ou cashmere

-um casaquinho longo ou um blazer

-um trench (no outono). O meu preferido é o clássico bege, mas existem várias versões. É uma peça que se usa bastante aqui e que é perfeita para a meia estação. Se você ainda não tem um, não se preocupe: você está em Milão.

-Sapatilhas, um tênis legal ou mocassin que vá com tudo e um sapato de salto se você for adepta.

-echarpes: quanto mais longas, melhor. Assim, se o frio aperta, é só você dar várias voltas no pescoço.

Se você está vindo para cá a partir de dezembro, vai pegar o inverno e aí a mala já muda um pouco. A dica, como sempre, é se vestir em camadas. Os ambientes fechados são aquecidos e você vai ter que eliminar alguma coisa.

-um casaco de lã pesado, mas atenção, mesmo o casaco que é pesado para uma cidade como São Paulo, aqui é leve demais para os meses de dezembro à fevereiro

como se vestir inverno Milão

Look inverno

 -meias-calças grossas, de lã ou cashmere: quem sente muito frio, pode usá-las por baixo das calças

-luvas, cachecóis, gorros ou chapéus. Ter as extremidades do corpo aquecidas ajuda muito

-meias de lã

-segunda pele ou camisetas de tecidos térmicos

-botas e sapatos pesados, de preferência com sola de borracha para a eventualidade de neve (pés molhados e frios estragam qualquer viagem)

Adaptando a lista, as dicas são as mesmas para os homens. As fotos abaixo são do site The Sartorialist e mostram como é possível um look legal mesmo com botinhas tipo trekking.

Clique aqui para ver as ler sobre o clima e temperaturas em Milão .

como se vestir inverno Milao

Sobrancelhas Divinas

Se chama Brow Bar Benefit  mas de bar tem bem pouco. Na verdade é o serviço de algumas lojas Sephora da cidade que te promete e te dá sobrancelhas hollywoodianas.

Se você não tem medo de cera e faz tempo que está pensando em um olhar mais charmoso, pode tentar a aventura.  O serviço é com hora marcada, mas se você estiver pelo centro e quiser tentar, entre em uma loja (Via Dante e Corso Vittorio Emanuele) e pergunte se tem uma brechinha nos horários.

Eu provei o serviço em uma manhã de julho e confesso que estava meio tensa. Ok, eu já tinha tirado as sobrancelhas  com cera e sempre achei a melhos maneira de tirá-las, mas sempre limpei o excesso, nunca ninguém tinha redesenhado minhas sobrancelhas  medindo tudo com reguinhas e pincéis.

Fui logo dizendo para a mocinha que não queria sobrancelhas muito finas e ela respondeu: relaxa, eu cuido de tudo. Fechei os olhos e ela começou: penteia aqui, coloca a cera alí e o primeiro puxão. Serviço terminado na primeira sobrancelha ela me deu um espelho.  Não estava acostumada com sombrancelhas assim e choquei.  A mocinha me diz de novo: relaxa, vão ficar ótimas, você só tem que se acostumar. Fecho os olhos de novo e partimos para a segunda.

Resumindo: quando tudo acabou eu estava com um par de sombrancelhas completamente novas e arqueadas (no dia seguinte já estava acostumadíssima e adorando). Como a Sephora promete: hollywoodianas.

É claro que a mocinha me sugeriu de voltar uma vez por mês (como se o preço fosse de uma normal esteticista),  mas como logo depois fui viajar, fui limpando o excesso e mantendo o desenho.

A depilação da sombrancelha tem um custo alto, quase excessivo: 21 euros, mas a satisfação é garantida.  A Brow Bar Benefit Sephora  também oferece os serviços de coloração das sobrancelhas e depilação do buço.

Brow Bar Benefit Sephora
Via Dante, 14  e  Corso Vittorio Emanuele, 24/28