Expo 2015 Milão: uma questão de pele

Quem apresentou a candidatura de Milão para sediar a edição 2015 da Expo, com certeza tem o mérito de ter sabidamente escolhido como tema a comida, que nos países desenvolvidos é um dos prazeres da vida ao qual ninguém renuncia e, nos países em via de desenvolvimento, onde a comida falta é um “problema” para ser resolvido. Diferentes dos temas escolhidos nas edições passadas, orientados por exemplo a tecnologia, a alimentação é um tema simples e atraente e não só porque “fala” ao estômago dos visitantes.

Pelo que se viu até agora, os projetos dos países estrangeiros trarão bom conteúdo e irão demostrar de ter afrontado o tema com seriedade e não em um clima: todos à mesa.

Milão Expo 2015 dicas

Como já escrevi nesse post sobre a Expo2015, o tema dessa próxima edição é: Nutrir o planeta, energia para a vida e prevê incluir tudo o que diz respeito a alimentação, do problema da falta de alimentos em algumas zonas do mundo à educação alimentar, até os temas ligados ao alimentos geneticamente modificados. Serão apresentadas tecnologias, inovações, as culturas, as tradições e a criatividade ligadas ao setor da alimentação. Obviamente, para passar da teoria a prática, todos os países irão apresentar as suas excelências em campo gastronômico que poderão ser saboreadas nos restaurantes montados em seus próprios pavilhões.

Agora em setembro está prevista a chegada dos países para a construção de seus pavilhões e aqui mostro o rendering de alguns deles, apontando um aspecto muito interessante, que é a atenção a eco sustentabilidade que muitos deles vão dar as suas “peles”, aos seus revestimentos externos.

Palácio Itália

dicas Milao Expo 2015

O conceito do Palácio Itália é de uma arquitetura paisagem onde o edifício assume através da própria pele as semelhanças de uma árvore florestal na qual se embrenhar. O revestimento é realizado em cimento fotocatalítico que captura alguns elementos poluentes do ar e os transforma em sais inertes.

Future Food District

fooddistrict

fooddistrict2

fooddistrict3

O Future Food District vai hospedar as tecnologias e as inovações mais recentes para a produção, conservação e a distribuição de alimentos, com o supermercado e a cozinha do futuro. O revestimento desses pavilhões será coberto de uma cultivação de micro algas que vão absorver 10 vezes mais anidrido carbônico do que outras plantas e que depois podem ser utilizados como biocombustível.

Pavilhão Brasil

pavilão Brasil Expo 2015 Milão

Inspirado no tema “Alimentar o mundo com soluções”, o pavilhão brasileiro vai usar a metáfora da rede -flexibilidade, fluidez, descentralização – para mostrar a conexão e integração dos diferentes aspectos pelos quais o Brasil conquistou o papel de líder mundial de produtor de alimentos. Em uma área de cerca 4.000 m2, o Brasil vai mostrar aos visitantes da Expo 2015 todas as possibilidades em fase de estudo e de realização para aumentar e diversificar a produção alimentar e satisfazer a demanda de alimentos em todo o mundo, usando tecnologias avançadas em modo sustentável.

Pavilhão México e USA

Outros exemplos de revestimentos interessantes: o pavilhão México parece uma grande espiga de milho e o dos USA a parede de um grande celeiro.

mexico usa

Certamente, visitar esses interessantes espaços, vive-los, degustar a gastronomia de quase 150 países, vão ser motivos suficientes para visitar Milão de maio a outubro de 2015 durante a Expo.

Milão espera a passagem de cerca 20 milhões de visitantes. Você vai ser um deles?

4 respostas
  1. FULVIA MORLOTTI says:

    SIM!!!!!
    ESTOU INDO NO DIA 31 DE MAIO PARA SEMANA 05 JUNHO

    QUEM DIRIA EU EM MILÃO PARA ESTA FESTA MUNDIAL

    PARABÉNS BRASIL PELA PARTICIPAÇÃO NO EVENTO !

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *