Museus de Milão: novos horários e preços

O mês de julho trouxe algumas mudanças para o mundo dos museus italianos (no que diz respeito aos museus estaduais) e milaneses (no que diz respeito aos museus municipais).

Só para entender melhor essa classificação de museus, as cidades italianas tem vários tipos: os estaduais (statali), os municipais (civici) e os privados (privati).

O atual ministro do turismo e bens culturais, anunciou algumas mudanças para os museus estaduais, como a abolição da gratuidade para maiores de 65 anos, a permanência da gratuidade para menores de 18 anos e a redução do custo do bilhete para pessoas entre 18 e 25 anos.

museus milao preços

A grande novidade é a entrada gratuíta no primeiro domingo de cada mês e a realização de duas noites no museu, onde a entrada será de apena 1 euro. A mudança também prevê que os museus fiquem abertos até as 22hs todas as sexta-feiras.

Em Milão, o único museu estadual é a Pinacoteca de Brera.

A grande parte da rede museal de Milão é formada por museus municipais e nessa última segunda-feira 14 de julho, a prefeitura introduziu as mudanças anunciadas há alguns meses:

* Tarifa única de 5 euros para todos os seus museus (eles tinham bilhetes de preços diferentes e até gratuidades). Atenção: no castelo, o bilhete de 5 euros dá direito a entrar em todos os museus que fazem parte dos museus do castelo (no mesmo dia)

* Bilhete turístico de 12 euros com validade de 3 dias a partir da data de emissão, que dá direito ao acesso a todos os museus

* Bilhete anual para residentes com a tarifa de 35 euros com acesso ilimitado e descontos em mostras especiais e nos bookshops

* O acesso continua gratuíto para menores de 18 anos e com ingresso ao custo de 3 euros para maiores de 65 anos

* Entrada gratuíta todos os dias 1 hora antes do fechamento dos museus e todas as terças a partir das 14 horas

museus milao

Entre os museus municipais milaneses, estão os belos museus do Castelo Sforzesco, como a Pinacoteca do Castelo, o Museu Egipcio, o Museu dos Instrumentos Musicais, e o incrível Museu de Arte Antiga, onde é possível admirar a Pietà Rondanini de Michelangelo, além do Museu Novecentos, Aquario, Galeria de Arte Moderna, Museu Arqueologico, Museu do Risorgimento, Museu do Palácio Morando, Museu de História Natural, Muba (museu da criança), PAC, Planetário, Estúdio Museu Francesco Messina.

O valor de 5 euros do bilhete não é válido para as mostras especiais no Plazzo Reale e Palazzo dela Ragione. O único museu municipal que continua gratuíto é a interessante casa museu Boschi di Stefano, que faz parte do circuito das casas museus milanesas (todas as outras são museus privados).

Os bilhetes turisticos e anuais podem ser comprados nas bilheterias de qualquer museu da rede, sem custo de pré-venda.

Escolha seu museu em Milão e boa visita.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *