4 cidades para conhecer no Lago de Garda

Junto com as montanhas, os lagos são uma das grandes atrações naturais da região da Lombardia.

Além do Lago de Como, aqui ficam também partes dos dois maiores lagos italianos: o Lago Maggiore e o Lago de Garda.

Esse último é o maior lago italiano e toca 3 regiões. Muito frequentado por italianos e alemães na primavera e verão, algumas de suas charmosas cidades ficam a poucos quilômetros de Milão e quem passa por aqui pode aproveitar para um bate e volta ou uma estadia um pouco mais longa.

A História de Milão e seus monumentos

Milão tem fundação pré-romana quando por aqui chegaram os celtas e fundaram um pequeno vilarejo (na área da atual Praça Scala) por volta de 388 a.C.

De 286 a 402 d.C foi capital do Império Romano e o pouco que sobra dessa época na cidade, contei no post sobre a Milão Romana.

Com o fim do império, Milão passa por algumas invasões bárbaras e começa a fazer parte do Sacro Império Romano.

Moleskine Café em Milão

Moleskine, a famosa caderneta de capa preta (e também colorida), além de várias lojas em Milão, tem também um café muito agradável em Corso Garibaldi, uma das minhas áreas preferidas da cidade.

Dividido em 2 andares, é um espaço moderno e luminoso, onde é possível comer durante todo o dia ou simplesmente estudar e trabalhar, já que o mezanino é um espaço de co-working. Um cantinho do café é reservado à venda das famosas cadernetas de anotações.

Três lojas para conhecer em Milão

Para muita gente que vem a Milão, com certeza o assunto moda e lojas é quase uma prioridade, já que a cidade é conhecia internacionalmente como lançadora de tendências.

Mas a maior parte dos turistas que passam por aqui, ficam no circuito batido do centro e no máximo chegam ao Quadrilátero da moda, passando pela Galeria Vittorio Emanuele ou pela Rinascente.

Mas saindo desse eixo mais comercial, Milão tem pelo menos 3 lojas que eu acho que valem a pena conhecer, nem que seja mesmo só para apreciar o bom gosto da decoração e das roupas e produtos vendidos.

Blue Note: onde ouvir jazz em Milão

Os amantes do jazz que passam por Milão, provavelmente não sabem, mas na cidade fica uma das filiais do famoso jazz club de Nova York, o Blue Note.

A filial milanesa do Blue Note é a única da Europa e existe desde 2003, propondo sempre uma programação de qualidade e trazendo a cidade grandes nomes do jazz, blues, música italiana e latino-americana como por exemplo, Wynton Marsalis, Chick Corea, Take 6, Ed Motta, Toquinho, Maria Gadu, entre outros.