Posts

Muji to Go em Milão

Loja Muji to Go no subsolo da Rinascente

Muji to Go é a loja japonesa que acaba de desembarcar no Design Supermarket da loja de departamentos por excelência de Milão La Rinascente.

É tudo o que você espera de uma loja japonesa: a precisão em uma infinidade de produtos para estudar (cadernos, caderninhos e cadernetas, lápis, canetinhas, canetões, cartões de aniversário e por aí vai), casa, tempo livre, mas o forte da marca são os produtos para viagens. O conceito principal é: compacidade, funcionalidade e comforto.

São uma série de produtos para viajar mais leve (sempre que isso seja possível), que vão dos clássicos frascos para armazenar cremes e shampoos aos impermeáveis (15 euros) que você corta nas mangas e no comprimento para melhor ajustá-los, camisetas e encharpes comprimidas em uma embalagem que vira uma quadradinho (15 euros) e para o público feminino o ótimo multi-cape (49 euros), uma peça versátil para quem viaja, que pode ser usado como echarpe, cardigan, xale, colete e etc. Praticamente um origami, com mil desdobramentos.

Multi cape Muji to Go (49 euros)

Quando passar pela La Rinascente (e você vai passar), dê uma olhada. Coisa de japonês!!

10 Corso Como

Esse é o endereço, esse é o nome da loja. Mas não a chame loja, 10 Corso Como é um concept store e se você está em Milão e quer grifes e design de luxo, nem que seja só para olhar, tem que passar por aqui.

Inaugurada em 1991 por Carla Sozzani (irmã da editora da Vogue italiana e figura carimbada da moda milanesa), é umas das mais (se não a mais) conhecida concept store da Itália: moda, design, uma livraria, uma galeria de arte, um café-restaurante e até um pequeno e exclusivíssimo hotel (3 Romms). Tudo reunido em um espaço aconchegante e muito bem cuidado.

Os preços são para orçamentos sem limites. No departamento feminimo, masculino e acessórios você encontrará marcas como: Balenciaga, Burberry Prorsum, Comme des Garçons, Diesel, Lanvin, Lavenham, Mackintosh, Martin Margiela, Moncler, Moncler Gamme Bleu, Paul Smith, Prada, Alexander McQueen, Balmain, Céline, Junya Watanabe, Lanvin, Marni, Mary Katrantzou, Miu Miu, Moncler, Prada, Christian Louboutin, Converse, Globe-Trotter, Manolo Blahnik, Marc Jacobs, entre outros.

Mas se a intenção não é acabar com sua conta bancária, entre, dê uma volta, olhe, pegue, prove e se no final decidir não levar nada, sente-se para tomar um café, um chá, uma taça de vinho ou até almoçar ou jantar antes ou depois de passar no espaço da galeria (2 andar) para conferir a mostra da vez (grátis).

Comece visitando o site, que já dá uma idéia do estilo refinado da loja e do espírito 10 Corso Como.

10 CORSO COMO
Corso Como, 10
Segunda à segunda das 11.00 às 19.30 (loja)
A galeria e a livraria fecham às segundas pela manhã
e abrem a partir das 15.30. Nos outros dias das 11.00 às 19.30
O bar- restaurante às segunda abre das 18.00 às 01.00
nos outros dias das 11.00 às 01.00