Verdades e mitos sobre Milão

É sempre assim: você planeja uma viagem para uma cidade e algum amigo ou familiar que conhece (ou até não) o lugar começa a elencar uma série de lugares comuns, que vão desde a gastronomia até uma analise (que parece) profunda sobre a população.

Mas o que é realmente verdade ou só puro mito sobre as cidades? Nesse post, escolhi cinco verdades e mitos sobre Milão para ajuda-lo a conhecer um pouco melhor a cidade, mesmo antes de pisar seus pés por aqui.

1. MILÃO NÃO TEM NADA PARA VER

MITO:

Villa Necchi Campiglio (na foto), Pinacoteca de Brera, Porta Nuova, Pietà Rondanini, Triennale, Ambrosiana, Museu 900, Gallerie d’Italia, Brera, Navigli, Fundação Prada, Armani Silos, Duomo (completo), Galeria Vittorio Emanuele, Teatro Scala, Castelo Sforzesco, San Bernardino alle Ossa, Última Ceia de Da Vinci, Palazzo Reale, entre outros.

Eu poderia deixar essa lista ainda mais comprida e completa, mas vou parar por aqui. Quantos são os turistas que no seu escasso dia em Milão vão além do feijão com arroz do centro histórico?

verdades_e_mitos_sobre_milao

A maioria não conhece a história de Milão e a importância dos seus monumentos e obras de arte e acabam tendo uma experiência pouco profunda na cidade.

Milão é uma cidade rica de belezas, mas não dá nada de mão beijada para turistas preguiçosos.

Explore e você vai se surpreender.

2. MILÃO É CINZA

VERDADE E MITO:

Bem, vou explicar essa ambiguidade.

Milão está no Norte da Itália e tem sim vários dias nublados e cinzas, alguns feitos até de uma certa quantidade de neblina. Outro fator que não ajuda o céu milanês é a taxa de poluição, que pode chegar a índices altíssimos em certos períodos.

verdades_e_mitos_sobre_milao

Mas Milão também é feita de dias de céu azulzinho e de sol, onde qualquer cidade fica mais bonita. E se tiver a justa quantidade de vento, que limpa tudo, é o dia ideal para subir nos telhados do Duomo e ver até as montanhas que emolduram a cidade.

3. OS MILANESES SÃO ANTIPÁTICOS

VERDADE (MAIS OU MENOS):

Vou tentar explicar.

Digamos que o 100% milanês quase não existe mais. A cidade é feita de uma mistura de italianos, filhos de migrantes do Sul ou jovens que migraram recentemente, ou seja, tem de tudo.

No geral o que acontece é que Milão é uma cidade séria por natureza, onde se corre, se trabalha e onde as pessoas vão ser educadas com você (às vezes não), mas não vão abrir aquele sorrisão se não te conhecem.

verdades_e_mitos_sobre_milao

Não é nada pessoal, não, é que eles mantém a distância. Isso faz com que o que é visto com antipatia pelos turistas, as vezes é só discrição.

Ok, uma dose de stress existe sim no dia-a-dia. Eu já me acostumei com tudo.

4. MILÃO E A CIDADE DO DINHEIRO E DA MODA

VERDADE

Sim, Milão é a capital econômica da Itália, sede dos principais bancos do país, escritórios de advocacia, agências de publicidade, editoras e revistas.

Soma-se a tudo isso o setor da moda, que tem em Milão a sua cidade de referência, já que muitas das grandes marcas do pret a porter se transferiu para cá na década de 70, atraídas também pelo dinheiro e criatividade que circulavam por aqui.

IMG_8886

Outra indústria pela qual a cidade é famosa em todo o mundo é o design.

5. EM MILÃO NÃO SE COME BEM

MITO

Ok, não temos o peixe fresco da Sicília e nem a mozzarella de búfala da Puglia, mas em uma cidade como Milão é impossível que você não coma bem. E não necessariamente gastando muito. A cidade conta também com muitos restaurantes de cozinhas internacionais.

O segredo é fugir dos restaurantes turísticos que se concentram no centro e em alguns bairros como Brera (mas não todos os restaurantes) e comer pratos da tradição local.

Risoto milanes Milao

Melhor pedir um risoto (ninguém faz melhor do que os lombardos), uma cotoletta à milanesa, um ossobuco ou polenta do que querer aquele prato que você provou em Nápoles na sua última viagem.

Para saber as  ‘Verdades e Mitos sobre Roma, Veneza e Florença’, clique nos links abaixo:

Italia per amore

Roma pra você

Viva Toscana



16 respostas
  1. Carlos José Hang says:

    Moro na Suíça no cantão Ticino, e estou a uns 50 km do centro de Milão. No início não me interessava po nada, mas da primeira vez que fui, adorei!! E procuto ir ao menos uma vez ao ano…e quanto mais vou à Miläo, mais descubro novos lugares e restaurantes pra conhecer…E confirmo que ali se come muito bem, não importa onde…Como em toda a Itália, và…

    Responder
  2. Raphael says:

    MIlão me lembra São Paulo… E eu adoro Sampa!
    Milão é italiana de um jeito totalmente diferente, ainda mais elegante mas menos extrovertida. É uma cidade bela, mas não da mesma forma que Roma ou Florença.
    De todas as cidades que visitei na Itália (Roma, Firenze, Lucca, Pisa…) certamente seria o local que eu escolheria para morar.

    Responder
  3. Cynara Vianna says:

    Eu concordo com tudo o que você disse, fomos em Milão no outono, pegamos dias de chuva, céu cinza sim, mas nada que impedisse de apreciarmos as belezas da cidade. O contato que tivemos com os milaneses foi super tranquilo, nossas refeições na boa, não fomos a nenhum restaurante renomado, mas o que comemos nos satisfez enquanto turistas. Queremos voltar com mais calma, passamos 2 dias inteiros e saímos com gostinho de ‘quero mais’.

    Responder
  4. Cristina Souza da Rosa says:

    Amei!! Estou super de acordo com este post. Qdo morei na Itália falei que ia para Milão e meus amigos italianos me falaram: lá não tem nada para ver. Engando deles! Já fui duas vezes e ainda não vi tudo. Meu conselho: contratem a Magê para fazer um tour com você e vc vai ver como tem coisas para ver e fazer em Milão. Bacio!

    Responder
  5. babi campanaro says:

    Magê,
    Adoro Milão! Todas as vezes que vou para ai me ajuda um pouco a matar as saudades da nossa Sampa! Mto bom respirar esse ar cosmopolita! Não penso em Milão como uma cidade cinza…sempre tive sorte de pegar dias lindos! E acho os milaneses super simpáticos comparando ao que estou acostumada…rsrs
    Ótimo artigo, bjos! ;)

    Responder

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] blogagem coletiva! Veja também: – Mitos e Verdades sobre Veneza, por Isa Discacciati – Mitos e Verdades sobre Milão, por Magê Santos – Mitos e Verdades sobre Roma, por Luciana […]

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *